Minhas metas de 2015 parte dois: A realidade

Em 25.12.2015   Arquivado em Cotidiano, Projetos

tvde29-metas-2015

Eis que 2015, mais conhecido como o ano mais estranho já vivido pela humanidade, está oficialmente chegando ao fim. E lá no comecinho dele eu fiz um post das minhas resoluções e agora essa vai ser a parte dois, no qual eu comparo o que foi realizado e o que nem passou perto.

Não procrastinar ou procrastinar menos: Procrastinar. Ou preguiça crônica. Meus colegas, não vou dizer que eu falhei miseravelmente nessa tarefa por que teve uma outra aí que é de tirar o chapéu em como eu falhei, cof, cof. Eu até que joguei bastante video game, li muitos livros, mas a arte de não fazer mais NADA dominou a minha vida esse ano de uma maneira estranha. Culpo a Vivo que não quis me fornecer internet (que, aliás, é a razão de eu ter sumido disso aqui, mas fica pra outro post uma boa explicação) e atrasou meu ano. No fim tudo que eu fiz foi trabalhar muito, ganhar pouco, e não fazer mais nada! Triste.

Cortar o meu cabelo de três em três meses: Agora assim, a Grande Vergonha. Falei de beleza, blá, blá, blá… Eu simplesmente não cortei meu cabelo nenhuma vez durante todo o ano! Zero vezes. Lamentável, Jéssica. Eu merecia um prêmio de missão falha.

Realizar mais projetos meus: E criei dois projetos esse ano, mas ambos foram complicados por falta de tempo pra realizar, e prática também faltou… Mas agora no começo do ano eu terei mais tempo pra polir os dois e tocar pra frente.

Me dedicar ao meu blog: Essa também merece o troféu Vergonha, mas eu tenho uma boa desculpa pra esse tópico: eu meio que me mudei, e pra onde eu fui não tinha como contratar internet, e sem internet não tem como eu postar nada. Foi a coisa que mais me chateou o ano todo, por que o blog pra mim é uma coisa divertida e algo que eu tenho que levar a sério ao mesmo tempo, e não conseguir por motivos externos me deixa brava e com a sensação de que eu não me esforcei muito. Mas de verdade o único lugar que eu poderia postar alguma coisa era meu serviço, e isso era impossível!

Quero fazer algum curso livre: Ahhh, esse aqui eu conquistei bonito!! Agora no final do ano eu comecei a fazer um curso de Photoshop. Ministrado por um dos integrantes do ChocolaDesign o curso vai até Março e eu estou gostando bastante! Só tem um porém: Ele é todo online, ou seja eu dependo de internet! E assim é a vida, ela ri da sua cara. Mas o que importa é que eu consegui estudar alguma coisa, por que eu realmente achei que essa seria mais uma meta não cumprida. Outro curso online entrou no meu radar recentemente, de edição de vídeos com o Anderson Gaveta (pesquisa aí meu filho), mas eu ainda ~to meio assim~ se eu faço ou não, por que eu já fiz um curso de Edição antes, e a aula dele ainda é pra quem está no nível mais básico.

Descobrir bons softwares livres pra substituir os que eu uso e que são pagos: Essa foi uma tarefa árdua. Pra edição de videos tem o Blender, mas ele ainda é meio complicado e eu não tenho muito tempo pra aprender uma interface nova. Pra substituir o pacote Office eu uso o pacote OpenOffice, que é muito bom, cumpre seu papel. Agora Photoshop e Illustrator eu não consegui achar nada que fizesse jus! E nem me venha com Corel Draw, que também é pago e eu nem quero aprender, por enquanto.

Poupar mais dinheiro: Consegui fazer uma poupança magra, mas ela existe, o que já conta pontos pra mim! \o/

Passar mais tempo com as minhas amigas: Não consegui ver elas tanto quanto eu gostaria, mas nós saímos pra vários lugares, sempre na mesma região, é verdade, mas bem diferentes uns dos outros. Sem contar que fiz ótimos novos amigos que eu quero levar pra sempre! Amo vocês todos, seus lindos!

Fazer muitas receitas do meu livro “Por Uma Vida Mais Doce”: Não fiz nenhuma receita completa, mas peguei partes de algumas pra fazer uma. Eu não tive tanto tempo quanto eu gostaria pra fazer minhas receitas mirabolantes, mas no ano novo eu vou fazer alguma bem gostosa!

Ler mais livros úteis: Nossa, este foi o ano que eu mais li livros na minha vida, e estou muito orgulhosa de mim mesma por isso =) Li tanto os úteis quanto os não tão úteis, (não que eu não ache todos os livros na terra úteis, mas tem alguns que não merecem essa definição, não). Li muita coisa sobre Design Gráfico e sobre Cinema. Quero ler mais ainda sobre isso. Eu ainda quero fazer um post com todos os títulos que eu li este ano, tanto os quadrinhos quanto os livros.

tvde29-metas-2015-02

Arrumar o meu quarto: Olha, eu até que arrumei algumas coisas no meu quarto, mas nada tão radical quanto eu gostaria.

Passar mais tempo com o Namorado: Esse funcionou mais que os outros!

Voltar a estudar português: Dei uma pincelada nesse assunto, com coisas mais pontuais que eu costumo errar. E as vezes eu continuo errando quando eu escrevo num ritmo frenético.

Terminar Persona 4: Acabei, zerei, terminei! E olha que isso eu conquistei logo no começo do ano.

Começar Persona 3: Tá isso eu não fiz, mas a segunda parte eu consegui. Joguei bastante coisa legal este ano, pra citar alguns: BloodBorne e The Vanishing of Etan Carter.

Bom, como vocês puderam constatar eu falhei em algumas metas, mas em outras eu consegui me superar! E agora tem mais um ano que está entrando e eu vou formular mais metas e tentar conquistar todas elas!

E vocês conseguiram realizar todas as suas metas? Já tem mais metas pro ano que vem? Boas festas!

Ah, a imagem linda lá em cima é do Ed Gregory. E os dois quadrinhos são do Raoni Marqs.