Comidas que todo mundo ama, menos eu!

Em 04.04.2015   Arquivado em Comida, Cotidiano

tvde29-cozinhar

Eu vi esse post no blog Teoria Criativa e percebi que eu também odeio muitas comidas que a geral ama de paixão e eu desprezo com veemência. Eu acho muito interessante essa coisa de gosto, sabe, porque nem todo mundo gosta de coisas parecidas, mas existem algumas coisas que tá no paladar de qualquer pessoa que você conhece, mas não no seu. Tipo Coca-Cola. Que entra no meu primeiro quesito. Eu não suporto Coca-Cola, pessoas. Tem alguma coisa no sabor desse refrigerante que não me agrada, e eu acho que ele tem gás demais, e na minha cabeça anormal se eu tomar Coca-Cola eu vou morrer desintegrada, haha.

Sabe aquelas coisas que as pessoas falam sobre Coca, as lendas engraçadas: que ela pode ser usada para desentupir pias, que deixa os ossos moles, que acharam um corpo todo corroído dentro de um dos tanques na fábrica, que tinham ratos dentro das garrafas, e assim vai, eu adoro essas lendas sobre Coca-Cola porque eu sempre uso esses argumentos quando eu vejo algum viciado em Coca. Não que eu seja A Chata que fica tentando fazer com que as pessoas parem de beber perto de mim, mas é que eu gosto de encher o saco e fazer dessas lendas uma piada.

Minha segunda comida, na verdade é uma bebida também: Café. Pois é, eu não bebo café nunca. E detesto café com leite mais ainda. O problema do café pra mim não é o sabor amargo, por que das vezes que eu bebi eu sempre preferi ele bem forte e com pouco açúcar, mas é que café, no geral, é uma bebida que eu acho meio sem graça sozinha e que me dá dor de cabeça quando eu consumo. Mas ironicamente eu gosto d tudo que vai café. Tipo capuccino, musse de café, sorvete de café, bolo de café, bebidas geladas que vão café… por aí vai, mas tomar café, quentinho no café da manhã, naquele ritual do brasileiro não faz o meu tipo, e ainda me dá um mal estar danado. Eu fico impressionada que alguns amigos meus não sobrevivam um dia sem, e ainda ficam com aquela dor de cabeça por não ter tomado o cafezinho milagroso do dia! È quase como uma droga mesmo. Mas eu não julgo, nem nada, só acho engraçado o poder de uma bebida na pessoa. Eu queria gostar de tomar café, porque ele tem um fator social, reparem, as pessoas conversam mais quando vão fazer aquela pausa no serviço pra tomar um café (da mesma maneira que fazem as pessoas que fumam).

A terceira comida que eu não consigo ver o motivo de todo mundo amar é McDonald. Eu não consigo gostar de nada que a rede faz, acho a carne com pouco gosto de carne e com mais gosto de pasta de qualquer coisa, acho as batatas moles e esquisitas, o refrigerante quase não tem gás e as vezes vem com um gosto terrível de produto de limpeza. Acho que as únicas coisas que eu acho que sempre é bem feito no Mc são: o smothie de morango e banana, as tortinhas de maça e o ketchup. E eu não digo isso como se eu sempre fosse no mesmo lugar onde tudo é mal feito, não, eu sempre tento dar uma segunda chance para outros Mcs, mas no final eu sempre me estresso. Minha teoria é de que a rede de McDonalds no Brasil é tão porcamente cuidada, com funcionários mal tratados e mal treinados pelos empregadores, que toda a equipe faz seu trabalho apenas por fazer e a comida acaba pagando por isso. Eu juro que eu tento me esforçar, mas McDonals pra mim não dá.

Minha última, mas não menos importante comida que todo mundo gosta são várias, coisas derivadas de chocolate. Eu não sou uma pessoa que come muito chocolate, posso ficar meses sem comer chocolate sem muitos problemas. De vez em quando bate aquela vontade, eu vou lá mato a vontade e pronto posso ficar mais uns meses sem chocolate. Mas eu odeio qualquer coisa derivada de chocolate. Desde pequena eu nunca suportei bolacha de chocolate, nem bolo de chocolate, nem sorvete de chocolate, nem brigadeiro eu gosto muito. Eu sei que tem muita gente por aí que mata por uma pedaço de bolo de chocolate, mas eu sempre preferi tudo de morango. Nem leite com chocolate eu eu tomo com frequência.

Engraçado como as coisas são, você lendo esse post e pensando “Hum, bolo de chocolate” e eu pensando “Hum sorvete de limão”. Acho legal pontuar essas diferenças básicas entre nós, entre as pessoas, assim agente se conhece mais e tem mais sobre o que conversar por aí. Aí, amanhã você pode falar para o seu amigo “Meu, tem uma menina esquisita que não gosta de bolo de chocolate, nem de café, que maluca”. Hahaha. E você, do que você não gosta de comer?